População mundial: saiba quantos bilhões de pessoas existem no mundo atualmente

Número exponencial de crescimento populacional das últimas décadas é justificado pelo aumento da expectativa de vida.

0 45

De acordo com os últimos dados, existem aproximadamente 7,8 bilhões de pessoas no mundo. As informações foram publicadas no jornal The Lancet em 2020. Entretanto, esse número é apenas uma estimativa, visto que é impossível acompanhar a quantidade real de nascimentos e mortes que acontecem no mundo.

Para chegar nessa estatística, os especialistas calculam o número de habitantes do planeta através das estimativas das populações regionais, que são fornecidas por cada área e consolidadas pela Organização das Nações Unidas (ONU).

Isso significa que os dados consideram as taxas de fertilidade e mortalidade, assim como a média de filhos de cada mulher. Além disso, a expectativa de vida também é avaliada para um cálculo mais assertivo.

População em Tóquio
Aumento da expectativa de vida contribui para crescimento da população.

Nas últimas décadas, o crescimento foi muito acelerado. O planeta chegou ao marco de 1 bilhão de habitantes há apenas 200 anos. A marca de 2 bilhões, por sua vez, foi alcançada 127 anos depois. As próximas marcas chegaram em 1959 (3 bilhões), 1975 (4 bilhões), 1987 (5 bilhões) e 1999 (6 bilhões).

As Nações Unidas estimam que, em 2023, teremos 8 bilhões de pessoas no mundo. Em 2037, esse número vai ser de 9 bilhões, seguidos por 10 bilhões em 2057.

Uma das razões pelas quais o crescimento foi tão exponencial é o aumento da expectativa de vida, ou seja, mais pessoas nascem, mas menos morrem. Vale destacar ainda que o número de indivíduos no mundo não é uniforme. Há algumas regiões nas quais a população aumenta mais em comparação com outras. Além disso, a imigração também contribui para variação nos dados.

A última projeção das Nações Unidas é que 11 bilhões de seres humanos vão estar habitando o planeta em 2100. Contudo, os dados são subjetivos, já que as condições de vida no planeta podem mudar muito até lá.

Leia também: Árvores passaram a ter longevidade menor e isso é preocupante, alertam cientistas

você pode gostar também
Deixe um comentário