Porque você deve comer massas

0

Como é gostoso comer massas, aquele macarrão da vovó que todo mundo adora, não é? Mas para muitas pessoas, a primeira reação quando esta ganhando de peso indesejado é geralmente é testar a remoção certos tipos de alimentos (justamente as massas, e pães também). Embora alguns regimes excluírem até mesmo a pasta de dentes, o fato é que regimes geralmente não são simplesmente rápidos ou fáceis de fazer, e também você acaba sacrificando muitas vezes a sua refeição favorita. Aqui está o que você deve saber sobre o consumo de massas:

A massa de farinha pode saturar e ser muito nutritivo ao mesmo tempo. O macarrão deve ser servido com alimentos de alto valor nutricional, para satisfazer plenamente os critérios de qualidade das refeições. Estes alimentos incluem: fibra vegetal (legumes e leguminosas), mono (óleo de oliva, nozes) não saturado e ácidos poli insaturados (peixe), antioxidantes (molho de tomate) e proteína (queijo, aves e carne magra).

Sabe-se que para os atletas, a massa sempre faz parte do menu, incluindo porções de massas durante grandes competições. Estes carboidratos fornecem a glicose necessária para o funcionamento do cérebro, bem como a energia sustentável para os músculos de trabalho.

Algumas dicas para uma deliciosa e saudável refeição de massa:

  • Escolha massas de cereais integrais, o que aumentará a porcentagem de fibra. Esta pasta tem um sabor de noz suave. Se você não gosta muito dos integrais, misture metade massas integrais e metade de massa branca. Ao longo do tempo você pode facilmente desenvolver o hábito e, gradualmente, aumentar a proporção de massa integral.
  • Preste atenção à parte – estado recomendação de que, dependendo da idade e atividade física as pessoas precisam de 60 a 80 g massas alimentícias não cozidas ou 1-1 ½ xícara (leite) macarrão cozido.
  • Equilibrar a sua refeição com um prato de massa com “verdes” – Muito importante para absorção de nutrientes, vitamina A e C. Sirva a massa grelhada com vegetais grelhados como: ​​Brócolis, couve-flor e espargos, espinafre ou couve cozida, cozidos feijão verde ou ervilhas. Desta forma, você obtém uma refeição balanceada.
  • Escolha proteínas magras – Procure refeições que fornecem massas de proteína misturado com leguminosas (feijão, lentilha, grão de bico). Se não for possível fazer sem a carne, então escolha de frango, peru ou carne de vitela.
  • O queijo pode ser apenas um “enfeite” – algumas receitas recomendam que o queijo seja usado na preparação de molhos (parmesão, gorgonzola e outros). No entanto, para se obter uma boa refeição, é melhor que o queijo seja adicionado no fim de servir em pequena quantidade.

Como cozinhar macarrão?

É necessário ter uma panela com profundidade grande, encher com 2/3 de água, adicione sal a gosto e ligue o foto alto até que comece a ferver a água, certifique-se que o sal derreta por completo.

Adicione a massa com a água fervendo e cozinhe durante o tempo que ele diz no próprio pacote. Ocasionalmente, use um garfo para mexer com a massa, pois se não elas vão grudar umas nas outras.

Se o molho ainda não estiver pronto, lave a massa com água fria até que você termine o preparo. Isso evita que a massa continue cozinhando mesmo fora da água, e ela não fique mole de mais.

 

Os melhores especialistas em massas são italianos e a sua tradicional forma de deixar o macarrão é “al dente”, critério criado pelos peritos de culinárias como padrão e recomendado por nutricionistas. Pois quando servidos assim, ela fica mais firme sob os dentes, e é digerida mais lentamente, assim aumentando os níveis de glicose no sangue.

você pode gostar também Mais do autor

Comentários

Carregando...