Pesquisa mostra que 8% da superfície terrestre pode afundar em menos de duas décadas; Entenda

Fenômeno conhecido como subsidência afeta principalmente o continente asiático.

0 743

Pelo menos 8% da superfície terrestre deve afundar até 2040. Essa foi a estimativa publicada na revista científica Science. A pesquisa sugere que aproximadamente 12 milhões de quilômetros quadrados de terra estão ameaçados, afetando mais de 635 milhões de habitantes. 

De acordo com os pesquisadores, a situação vai ser causada por um fenômeno conhecido como subsidência, ocasionado pelo rebaixamento da superfícies de um terreno por conta da extração de água, petróleo e gás do subsolo. As regiões mais afetadas, conforme o estudo, serão as próximas a locais urbanos e irrigados, com alto nível de estresse de água.

“A subsidência reduz permanentemente a capacidade de estoque do sistema aquífero, causando fissuras na terra, prejudicando prédios e infraestruturas civis, além de aumentar a suscetibilidade e o risco de inundações”, afirmam os pesquisadores.

A demanda por água subterrânea tem causado sérias implicações ao redor do mundo, como no caso da cidade de Jacarta, na Indonésia, que afunda 25 centímetros por conta de um bombeamento irregular. Na Europa, os Países Baixos são altamente afetados, afinal, a subsidência é responsável por colocar 25% do país abaixo do nível do mar, aumentando os riscos de inundações. 

Em outros continentes, como África, Austrália e América do Sul, os riscos de subsidência são mais baixos em razão do esgotamento das águas subterrâneas. A população da Ásia sofre os maiores riscos, com 86% da população exposta ao fenômeno.

Você também pode se interessar por: Nasa captura imagem de dois buracos negros em fusão; Confira