Documentário narra a história de estranhos extremamente parecidos entre si; Entenda

Produção é de 2016 e está disponível na íntegra diretamente no YouTube.

0 84

De acordo com uma estimativa, para cada rosto há sete outros no mundo que são parecidos com ele. E essa é justamente a premissa do documentário “Finding My Twin Stranger” (“À procura do meu irmão gêmeo”, em tradução livre), disponível na íntegra no YouTube. A produção narra a história de estranhos que são assustadoramente semelhantes entre si.

O fenômeno chamado “doppelgänger” vem da palavra em alemão utilizada com frequência para designar sósias e chamou a atenção de cientistas do departamento de pesquisa de gêmeos do St. Thomas Hospital, em Londres. Os estudiosos observaram os traços em comuns que essas pessoas desconhecidas tinham. 

Pessoas parecidas
Já imaginou encontrar alguém tão parecido com você?

Para o documentário de 2016, sete duplas de “gêmeos” foram entrevistadas e analisadas em laboratório. Por exemplo Kobi Balulu, 27 anos, e Rob Winston, 26. O primeiro, um comediante estadunidense que vivia em Paris. O último, um estudante da Cordon Bleu, em Surrey. 

A dupla se conheceu em um dos shows de stand-up de Rob, no momento em que uma pessoa da plateia parabenizou Kobi pelo show, confundindo-o com o comediante. Os outros pares de “gêmeos” são irlandeses, suecos e holandeses. 

Leia também: 10 mistérios não resolvidos do passado