4 informações que você precisa saber sobre os ovos

Rica fonte de proteína, os ovos estão entre os alimentos mais completos do mundo.

0 178

Os ovos estão entre os alimentos mais completos do mundo. Alguns nutricionistas defendem que ele fica atrás apenas do leite materno no que diz respeito ao valor nutricional e importância. O ovo é basicamente proteína e existem diversos métodos para prepará-lo de forma saudável e saborosa. A seguir, confira algumas curiosidades do poderoso alimento!

Ovos são históricos

Desde os primórdios da humidade, os seres humanos consomem ovos. Os antigos romanos se alimentavam de ovos de pavão e há relatos de que os chineses se interessavam pelos ovos de pombo. Atualmente, este alimento é consumido não apenas da galinha e de codorna, mas também de pato, ganso e até peru.

Costumavam ter má reputação

As pessoas mais velhas devem se lembrar de que os ovos costumavam ser vistos como sinônimo de colesterol alto. Contudo, essa informação se originou a partir de conclusões precipitadas e incorretas de uma pesquisa inicial. Portanto, mesmo que você tenha ouvido algo nesse sentido, não se preocupe: não há um limite de ovos que pode ser consumido.

Os ovos não são a menstruação da galinha

Essa é outra afirmação equivocada. Primeiramente, é preciso entender que, como as galinhas não são mamíferos, elas não têm útero. Ou seja, o ovo é classificado, ao mesmo tempo, como ovo e útero.

Além disso, vale ressaltar que os ovos botados diariamente pelas galinhas e vendidos comercialmente não são fertilizados.

Múltiplos benefícios

Como já mencionamos anteriormente, os ovos são fonte de proteína e, grande parte dela, está na clara, que também inclui vitamina B12 e quantidades menores de gordura se comparada à gema. A proteína presente nos ovos auxilia na redução da pressão arterial, otimização da saúde óssea e aumento da massa muscular.

Além disso, os ovos também são fonte de selênio, um antioxidante importante para o funcionamento da tireoide.

Quer saber outras curiosidades? Acesse: O Bacon faz bem a saúde! Saiba aqui 5 motivos.

Deixe um comentário